Please assign a menu to the primary menu location under menu

F1Notícias

Verstappen faz afirmação inusitada sobre fim de semana de F1: “vai ser uma loucura”

Max Verstappen vai mais uma vez continuar sua busca por Charles Leclerc em Miami. O campeão mundial está ansioso pela corrida e espera que os fãs se divirtam.

Verstappen focou principalmente nos fãs

A Verstappen ainda não pode passar por seu rival Leclerc neste fim de semana, mas com certeza irá todos para dar mais um passo para se aproximar do piloto da Ferrari. O piloto da Red Bull Racing parece entusiasmado na declaração à imprensa da Red Bull sobre a corrida: “Acho que este fim de semana vai ser bem louco! Estou realmente ansioso para correr em Miami. Já dirigi a pista no simulador e nos preparamos o melhor que pudemos sem ter estado na pista na vida real”.

O holandês também parece entusiasmado com a crescente popularidade da F1 nos Estados Unidos: “Passo a passo estamos tornando-a mais popular. Acho que o fato de que os carros agora podem se seguir melhor, que a ultrapassagem é mais fácil e que mais equipes estão lutando pela vitória é mais importante para os fãs”. Verstappen conclui: “Acho que não só os motoristas estão muito animados, mas os torcedores também estão“.

Perez espera o apoio dos compatriotas

O piloto da Red Bull Racing, como Max Verstappen, está feliz que os Estados Unidos estejam sediando mais corridas. O GP de Miami não está longe de casa para o mexicano e se sente bem, especialmente por essa razão. Em uma declaração à imprensa da Red Bull, Checo diz: “Um dia eu poderia até viver lá! É um bom mercado para a Fórmula 1 e tenho certeza de que haverá muitos latino-americanos e mexicanos na corrida. Portanto, espero obter muito apoio de lá“.

O mexicano agradece antecipadamente sua equipe por seu bom trabalho. De fato, de acordo com Perez, Red Bull está garantindo que ele e seu colega de equipe Verstappen passem bem o movimentado final de semana e possam se concentrar nas corridas ao máximo. Perez: “Eu gostei do novo circuito no simulador. Poderia ser um bom lugar para correr com essas longas retas. Acho que encontrar o nível certo de downforce vai ser o desafio para todas as equipes“.

Guia auto, a sua maior fonte de notícias sobre a F1 da internet